Siga as redes da Tik

Um susto na Playa Blanca

18 de setembro de 2017

Playa Blanca é a praia de mar azul e areias claras mais próxima a Cartagena, a uns 40 minutos da cidade.

Compramos o passeio no hotel ( 40000 COP por pessoa), uma pessoa veio nos buscar e levar até o ônibus, uns 10 minutos caminhando. Existem duas maneiras de chegar à Playa Blanca, por terra e mar, se escolher a segunda opção terá uma taxa portuária de 15500 COP por pessoa.

Escolhemos ir por terra e foi a melhor coisa que fizemos! Sentem que lá vem história…

O dia amanheceu muito lindo, um solzão, conseguimos marcar o passeio naquela mesma manhã (não façam isso, engolimos o café da manhã). Uma pessoa chegou para nos buscar e fomos caminhando até o ponto onde o ônibus nos buscaria.

O passeio estava ótimo, eles oferecem cerveja, água ou suco sem custo adicional, a guia vai nos mostrando as coisas no caminho, até que o tempo começou a fechar, o céu ficou MUITO preto, mas era um passeio e só nos restava curtir e torcer para que a chuva não caísse.

Assim que chegamos no estacionamento, o moço que cuida da barraca de praia, estava nos esperando e nos levou, não entendi porque ele nos levou por trás das barracas e não pela praia, mas nisso, já vi um lago, vaca, as senhoras cozinhando na brasa e muita mosca – mas ok, continuamos, pegamos nossa mesinha a beira mar e eu fui logo para o mar, enquanto minha mãe, ficou na mesa.

Estava lá curtindo o mar, comecei a ver umas folhas voando e começou a chover, nesse momento, saí do mar e minha mãe me gritava demais, disse que todos que estavam no mar, saíram correndo, mas eu não vi NADA. Quando cheguei na areia, vi o que estava acontecendo, um tufão estava passando no mar e passou atrás de mim, um fenômeno raro, segundo os locais. Um desespero, pois nesse passeio, vendem passeio e barco e snorkling, e tinha muita gente no meio do mar.

Não sabíamos para onde correr, os guarda-sóis voavam, a estrutura da praia é bem precária, além de estarmos em um passeio, então, não podíamos ir embora.

Minutos depois, passou e todo mundo voltou para o mar.

Esse passeio incluiu almoço e uma bebida não alcoólica, simples e muito gostoso!

Antes do tufão acontecer e quando estávamos nos acomodando, nos cobraram 40000 COPS (salvo engano) para sentarmos e nos servirem por ali mesmo, mas de nada adiantou – a barraca tem uma área com mesas tipo de pique nique com palha na cobertura e fomos comer por ali.

Uma coisa insuportável é o assédio de ambulantes, você passa o dia falando " no, gracias".

ATENÇÃO: quando te oferecerem algo falando que é regalo (presente), não acredite! Vão te cobrar no final!

Para terminar o dia, na hora de voltar para o ônibus, o chão do estacionamento era de terra e estava uma lama só hahaha…

No final, foi legal, passamos um susto – que graças a Deus – ninguém se feriu, vivemos uma experiência completamente diferente do que estamos acostumadas e depois rimos muito!

Apesar de bem simples, a playa blanca é bem bonita, ainda mais indo em dia de solzão.